Pular para o conteúdo principal

Viver é para hoje


A vida não espera, se escuta isso em letras de músicas, filmes, livros, novelas e seriados. Mas tenho a certeza de que poucas são as pessoas que realmente analisam essa afirmação, eu mesma só me dei conta disso quando percebi que o tempo estava passando. Foi o momento em que me questionei sobre tudo, sobre a relação que eu tinha na época (não éramos feitos um para o outro), sobre minha situação profissional, sobre os sonhos que abandonei, sobre os planos que não realizei, sobre os pedaços de vida que não vivi. Confesso que foi um baque enorme, de um momento para o outro me vi do avesso, sem chão, cheia de dúvidas, de angústia. Engordei, perdi o sono e continuei deixando a vida passar. Não que estivesse infeliz, sou uma pessoa positiva, mas estava insatisfeita com quem me transformei. Não era exatamente eu quem estava ali.

Percebi que havia desperdiçado um tempo valioso com atividades que não me faziam feliz, mas, ao menos, me formei em outro curso superior, admito que adoro colecionar diplomas, hehe. Descobri que gosto de fazer pesquisas em minha área, que gosto de me perder em bibliotecas catando livros que sejam interessantes para minha pesquisa, essa é uma parte da minha natureza. E foi a partir daí que minha mudança começou, embora não tenha percebido na época. Nunca percebemos o momento exato em que estagnamos nossa vida, mas sabemos descrever quando movimentos para uma revolução estão iniciando. É um comichão emocional, insatisfações que sussurram de início, mas, à medida em que o tempo vai passando, elas vão aumentando o tom até gritar dentro de nós. Nesse momento, é impossível ignorar que não está como deveria. 

Tenho certeza de que é assim com muita gente. Vivi um limbo em minha vida por muitos anos, até que depois de um tempo rompi a relação e junto com essa relação foram embora padrões nocivos para mim. Na verdade, quando rompi, estava não só rompendo com ele, mas com todo um modelo de vida e de relacionamentos que não me faziam nem mais feliz e nem uma pessoa melhor. Dei adeus a modelos familiares que já não me diziam nada. Nesse dia, houve um marco em minha vida, foi o dia em que renasci. Evito de falar sobre isso por perceber que as pessoas não entendem como tal, aliás, não sei se é falta de entendimento ou medo de se reconhecer.

A vida é hoje e agora, essa é a verdade. Colhemos amanhã o que plantamos hoje, sábia frase muito lida e repetida por aí. Iremos magoar e ser magoados, iremos rir e fazer rir, realizar e perder também. Acredito piamente que aprendemos enormemente com as perdas e os erros, mas a verdadeira lição é evitar repeti-los, aprender com eles. Nosso dia é hoje, o momento de sorrir e lembrar, de amar e beijar é hoje. Hoje, inclusive, você pode conhecer aquela pessoa que vai lhe dar a certeza de que uma vida não é o bastante, que você vai se ver velhinha ou velhinho com ela. Hoje pode ser um dia perfeito para a mulher que quer engravidar ou para a que quer adotar uma criança. Pode ser um dia perfeito para você engatar uma relação com O alguém ou para pedir sua namorada em casamento. Tanto faz se é segunda, terça, quarta ou qualquer outro dia da semana, hoje é o dia. Seu dia de viver e sonhar, fazer novos planos, engatar um projeto, realizar. O tempo não volta, hoje é só hoje.

O real mesmo, o certo e o exato é que a única certeza nessa vida é a da morte. Mas não se sabe o dia em que ela chegará, portanto, não perca seu tempo deixando a vida para quando se aposentar, pode ser que você não tenha saúde para isso e nem com quem aproveitar. Viva hoje, com responsabilidade, mas sem muitos dramas, aprenda a se perdoar, dê uma chance a você de viver mais leve. E tenha certeza de que o que prepondera na vida é a impermanência. Nós também mudamos.

Comentários

  1. Temos vários pontos em comum na nossa história de vida... também sinto tudo o que tu escreveu aí, sobre tempo que não volta mais e oportunidades deixadas de lado. Mas eu ainda náo tenho toda essa positividade. Sigo me lamentando, fazendo do meu hoje um ontem bem chatinho... há muito o que aprender.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigada.

Postagens mais visitadas deste blog

Amor é merecimento

Um rompimento sempre dá espaço às reflexões sobre o fim, quando escolhemos cair fora gostando muito da pessoa, ou quando há mais dúvidas do que certezas. No meu caso já fui muito magoada e caí fora porque não mereci o tratamento que recebi, mas isso já foi superado e essa situação me levou a perceber o motivo de me sentir tão entristecida. Pode ser que não seja possível escolher por quem nosso coração vai vibrar, quem vai nos fazer leves e tal, mas sentimos os primeiros sinais. Eu senti, mas fui cega para não perceber e cair fora antes. 

Apesar de alguém até contrariar esse meu pensamento, aprendi que amor é merecimento. Não vou mais entregar meu coração assim, por alguém que não faça por merecer, alguém que não demonstre muita vontade de estar por perto e que se importe. Sou naturalmente esquiva e arisca, apesar de já ter mudado bastante, sempre tenho a tendência à fuga. Mas quando sentimentos, emoções estão envolvidos, dá uma embaralhada, eu sei. No entanto, mesmo que sinta a proximi…

No próximo ano, lambuze-se

Os votos dessas festas de final de ano são iguais e repetidos ad infinitum mundo afora pela sua família, vizinhos, amigos, desconhecidos, desconfio de que até os mortos os repetem em seus túmulos. Blábláblá sem emoção jogado ao vento e nos ouvidos incautos de quem foge dessa hipocrisia morna e irritante. Portanto, serei sincera: desejo que nesse próximo ano, você se lambuze. Fique com o rosto sujo e a alma respingada pelo lambuzo. Descasque uma manga e coma sem cortar em pedaços, sinta o suco escorrendo pela sua boca, as mãos meladas. Lambuze-se. Vá mais vezes à pracinha de brinquedos com seus filhos e se lambuze de areia, sujeira e amor. Abrace sua mãe e seu pai, faça mais brincadeiras irônicas com seus irmãos, evite a irritação com comentários alheios. Lambuze-se de tolerância. Sinta que você pertence a você, mas permita que alguém se lambuze de você. Permita que se lambuze com suas palavras, seus gestos, suas atitudes, seus olhos, seu corpo.
No próximo ano, lambuze-se de amor-própri…

Sobre todas e todos os dias

Quando é noticiado violência contra a mulher, como agressões ou estupros, sempre há pessoas (entre elas algumas mulheres) atacando a vida e hábitos da mulher. Por ser sensual ou não, pelas roupas, por ter filho, pelo comportamento, o que, francamente, mesmo que fosse uma senhora freira, religiosa e que usasse um hábito tapando seus pés também seria motivo para essa cultura do estupro tomar forma. Fosse eu, você ou alguma parente ou amiga sua seria igualmente horrível e asqueroso o ato criminoso que homens cometem todos os dias contra mulheres. Na maioria dos casos não são loucos ou doentes, apenas terrivelmente mal-intencionados. 
E qual a parcela de culpa da sociedade nisso tudo? Toda a culpa. Quando hiper-sexualizam a mulher, objetificam e põe uma mulher contra a outra, quando a aparência é julgada, quando o desrespeito é a regra e incentivado, mulheres são e serão estupradas e abusadas todos os dias. Quando o não de uma mulher for interpretado como charme ou falso desinteresse, enqu…