Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2012

O imperfeito predileto

Eu admito que não gosto de homens muito certinhos, muito cheios de regras e de manias, muito bons. Gosto mesmo é de um imperfeito, com nuances e paranóias, inseguro e confuso, meio que atordoado com a vida, mas que segue em frente, porque sabe que é o que tem que ser feito. Gosto de homem que se questiona, que não sabe se fez o certo, se a decisão é a melhor, se está convicto. Fazer o quê, eu gosto, não significa que sejam uns fracassos na vida, significa que eles nem sempre tem certeza de que tomaram a melhor decisão, de que é o certo a fazer. Para mim, homens assim são humanos, simples. Eles não estão necessariamente tentando impressionar, medindo as palavras, estão tentando, apenas. Querem ir em frente, mas com dúvidas se agiram certo. Tudo bem, desde que isso não signifique uma paralisia na relação, mas eu sou furacão suficiente para endireitar a situação. Ou cair fora. Sei lá como explicar essa minha predileção. Até o ano de 2011, mais ou menos agosto de 2011, eu não sabia que gos…

Até quando?

Em toda a minha vida (e já tenho alguma vida nessa pele) nunca pensei que me sentiria assim, que seria eu a falar para você o que sempre acreditei que apenas os homens falassem para uma mulher. Até quando você vai esperar por uma atitude minha? Esperar pelas minhas mensagens para, então, ter coragem e me ligar? Até quando vai se esconder atrás dessa covardia toda e não vir atrás de mim? Confesse para seu coração, tudo que você quer, mas morre de medo, é vir atrás de mim. Me agarrar com as duas mãos e admitir que sou eu quem você sempre quis, que são os meus olhos verdes que você quer ver, que é comigo que você vai saber o que é a entrega. 

Você é o que considero um covarde por excelência. Deixa que uma mulher invada sua vida, sua casa, seus desejos sem que esboce reação, sem que pense no que você quer. Sempre faz o que querem? Sempre deixa que entrem assim, na sua intimidade sem se questionar? Quando foi a última vez que você sentiu seu coração vibrar e foi atrás da mulher por quem voc…

Suicide Sex

Sexo rápido, sexo fácil, sexo. Então é nisso que virou nosso mundo, uma encoxada aqui, um lençol amarrotado ali e pronto. Tchau, até mais, quem sabe o número do telefone, e fica por isso mesmo. Aparências, futilidades, fast-food de gente. Tenho a impressão de que as pessoas ficam sem rosto, sem formas, são só um pedaço de carne andando na rua, comprando no mercado, dirigindo carros, enfim, pedaços. Riso fácil, diversão garantida. Um gemido e pronto! Milagre do nada realizado. Não sou adepta do sexo casual, sem compromisso, embora tenha cometido esse deslize alguma que outra vez, sem seguir as regras do mundo moderno. Não sou de vários parceiros, repetia o cardápio, por mais horrível que seja chamar alguém de cardápio. E, mesmo assim, acho vazio, fútil, sem sentido algum. Não aprendo nada sobre mim, ou melhor, tenho mais certeza de que não me serve. Prefiro a abstinência de pessoas ao desperdício de energia que assola essa gente toda. Sei que o mundo está cheio de apelos fáceis, mas sei…

A você, que continua igual

O tempo vai passando e eu vou mudando, mantendo a essência, mas mudando, ou melhor, evoluindo, porque é para a frente que se anda. O incrível nisso tudo é que quem me rodeia tem uma dificuldade enorme de me entender. Talvez, nunca tenham me entendido. Não que eu seja melhor que os outros, sou diferente, sou Eu. Pior que uns, melhor que outros, como todos que habitam nesse grande organismo chamado Terra. Só não acho mais graça em atividades que eu gostava há quinze anos atrás, só isso. Meus prazeres mudaram, meus interesses ampliaram, minha vida está acontecendo, como eu não percebia há muito tempo. Me descobri de uma maneira tal que eu quero me agradar. Sem essa de satisfazer a amiga desejosa de ir a algum lugar que eu já não gosto, sem essa de bancar a mocinha para agradar algum cara que eu nem quero, só porque é amigo de alguém que eu conheço. Aliás, não me sinto na obrigação de fazer um número e gênero para agradar ninguém, menos ainda quem eu quero por parceiro, sócio, amigo e ama…

O pacote

Ao que fui entregar, tão rara Disse, aqui não mora aquele que busca Então, intrigada, perguntei, onde ele está? Já foi, ou nunca esteve em outro lugar Outro lugar? Em que lugar melhor ele poderia estar? O homem respondeu No melhor lugar que ele poderia escolher  Para habitar E que lugar é esse, novamente perguntei Muito perturbada por esse ser enigmático Pergunte a você, amiga A resposta é muito óbvia Receosa de não poder entregar tão precioso pacote Fechei meus olhos e perguntei à minha alma Onde ele está, para onde ele foi? Amor, estou aqui Onde, querido, onde que não lhe encontro? Sempre estive aqui, dentro de você Eu moro, agora, no seu coração Então percebi que não precisava mais entregar meu amor Já havia encontrado seu dono.

Sigo adiante

De dores, não me queixo Há cores demais na vida Para ficar apenas na sombra Existe sim um meio De enfrentar essas cinzas Que sobrevoam os caminhos É ter fé, coragem e sonhos Positividade e energia Para ver através do abismo Não sou métrica, sou rima Da poesia extensa da minha vida Não sou coadjuvante, sou a principal Representante de mim Se choro agora, é só um instante Na hora eterna da minha alma Se fico aqui, é escolha Se vou adiante, é com você.

Eu te amo, eu acho

Engraçado como é fácil ver seu rosto, as diferentes expressões e o sorriso brejeiro e, em algumas circunstâncias, encabulado que essa sua boca linda faz. Em todas as vezes que vejo uma foto sua ou falo em você, meu coração muda, vibra, se alegra. Mas, também, a insegurança toma conta de mim, sim eu sei, na maioria das vezes é essa teoria da conspiração eterna que monto em minha cabeça, só porque não me deu certeza se vai comigo ou não numa festa, já acho que tem outra, que não me quer e ainda por cima vem gente dar palpite baseado no senso comum, que homem não presta, que todos são iguais, argh, como detesto essa opinião de gente fracassada afetivamente, gente que não olha o próprio umbigo para enxergar que na verdade, é ela que faz tudo igual, sempre, os mesmos erros, as mesmas atitudes. Eu já enxergo que pessoas são diferentes de pessoas, que somos resultado das nossas vivências familiares e sociais, que sentimos diferente, que queremos diferente. E você, meu lindo, é diferente, com…

Então escrevo

Não posso falar para você Acho que não acredita de verdade Na minha confissão de culpa amorosa Que você é quem faz meu coração vibrar Me ilumina e me alegra Não posso falar, então escrevo Talvez um dia mostre Os versos e frases que inspira Escrevo também para acalmar essa saudade que sinto E que dói, aliás, nem sabia que doía tanto A ausência Não posso falar, então escrevo Que sou eu em você Que seu sorriso, seu abraço, seu corpo São a minha casa O lugar em que quero estar sempre Não posso falar, então escrevo Que, meu amor, eu sou, de corpo e alma, sua.

Receita de bolo uma ova

Não há receita de bolo pra nada nesse mundo, já dizia um amigo psicólogo quando eu e outra amiga despejávamos nele nossas dúvidas sobre o sexo oposto. Vi uma entrevista da Glória Menezes no Programa do Jô em que falou que o que aconteceu entre ela e o Tarcísio Meira foi raro, simplesmente aconteceu e não há receita para uma relação, o que deu certo pra ela, pode não dar para outra pessoa. Cada um tem seu jeito e sua maneira de viver e conduzir a própria vida, imagine só se todos nós vivêssemos do mesmo jeito, pensássemos igual, nos interessássemos pelas mesmas pessoas e tudo o mais. Cada um demonstra que ama de um jeito diferente, cada um tem suas crenças religiosas, seu paladar, seu hábito, seu gosto. Uma experiência pode causar traumas em mim e em você não ser nada e isso não dá ao direito de ninguém menosprezar as vivências alheias. Se falo de um ex-namorado, não é porque o ame, provavelmente, nunca tenho passado nem perto disso, pode ser apenas a minha maneira de lidar com o traum…

Descobrindo

Essa nova fase da minha vida tem sido de descobertas boas e inquietantes: primeiro, descobri que só quando a gente se ama e supera o medo de deixar alguém arrombar a porta do coração é que essa emoção bonita nos invade com a pessoa certa (para cada um é diferente o certo) e não a adequada: segundo, que precisamos ser tolerantes e pacientes com os nossos defeitos e o jeito estabanado para então tolerar o outro. A vida, realmente, é a maior aventura...

Amor

Amor é para todos os dias, não para um dia só, amor é emoção, é entrega, é investimento afetivo, é carinho, é respeito. Amor é o que faz nosso coração vibrar e não nossas mãos suarem, é paz, se é feliz porque aquela pessoa está com a gente. Amor é uma palavra muito pequenininha para descrever emoções tão intensas e profundas, esse tudo que inspira, que dói e que assusta. Amor pode ser relutante e assustado, pode ser inseguro, mas é essa corda que vibra no peito. Para o meu amor, não há sombras, só esse meu coração que vibra.

Se joga, que te seguro

Seja corajoso, bofe, tenha o espírito renovado de quem se arrisca, se joga. Acorda para a realidade de que não somos felizes sozinhos, de que pai, mãe, filhos, irmãos e amigos não vão ter aquele olhar carinhoso quando estiver cansado e nem vão roçar seus pés com o seu quando forem dormir; não vão preencher esse buraco no teu peito (que você, meu bofe, faz de conta que não vê), não vão dar rumo na sua vida (que você finge que sabe o que quer e pra onde vai), não abraçarão quando você se virar na cama e nem vão se preocupar em observar suas pintinhas nas costas. Sabe por quê? Porque amor é uma aventura arriscada, difícil e que vale a pena, eu que o diga, apesar de tudo que já passei, não deixo de acreditar e buscar. Quero discussão por causa da toalha, quero, mas quero muito, sorrir do seu ciúme e falar inúmeras vezes que escolhi você e não outro - por isso, sinta-se um privilegiado, não é pouco eu ser sua. E eu não sou pouca mulher, sou inteira mulher, com defeitos e muitas qualidades …

Acorda, amor

Acorda, amor, acorda para esse meu chamado Que meu coração um dia pode não falar mais Cansar de vibrar e lhe esquecer Acorda que já é noite A hora em que devemos nos olhar Falar com os olhos tudo que nosso coração deseja E nossas bocas, tímidas, calam Acorda para mim, que estou saudosa do seu abraço E quero muito me perder em você.

Vou errar sim

Meu gato lindo, não posso dizer que nunca vou lhe magoar, é mentira. Mesmo sendo vidrada em você (e sou mesmo, perdi a vergonha e admito), algum dia, em algum momento, vou agir de uma maneira que não vai gostar ou serei grosseira, sei lá. Só porque se gosta muito de alguém, tanto, mas tanto, que se ama o que ele ama e o que faz parte dele, faz parte da gente também, não quer dizer que não vou errar, vou sim. Vou ficar fula da vida em algumas circunstâncias, não vou agir como espera que eu faça, não vou gostar de alguns dos seus amigos, essa minha mania de só fazer o que quero e nunca consultar ninguém vai deixá-lo bem chateado muitas vezes, mas não esqueça que já me magoou também. Não sou perfeita e quer saber porque gosto tanto assim de você, meu bofe? Porque também não é perfeito e é tão lindo nessa confusão e sensibilidade, que não me importo. Quero mais é aprender com você, quero que me cuide e me coloque freios, diga que não posso mandar em todo mundo (mesmo assim, vou tentar, he…

Mudei

A única situação permanente na vida é a mudança. Eu mudei, a essência é a mesma, mas a pessoa é outra, mais adulta, mais segura, mais mulher. Ainda cometo os mesmos erros, ainda sou orgulhosa, ainda sou intrometida, ainda tenho alguns medos, mas sou muito melhor do que já fui e ano que vem, serei melhor do que sou. Hoje, posso dizer que sou a mulher que sempre quis ser, na verdade, que sempre fui, mas tinha medo, nem sei porquê. Mas me libertei, me assumi, me entreguei a mim e à vida, que venha o que vier, assumo o risco. Vocês deveriam fazer o mesmo, é difícil, pode ser doído, mas vale a pena, é recompensador ser quem se é.

Ela foi

De tanto ficar ausente na vida dela, um dia a mulher cansou de esperar e foi achar um cara que lhe queira, como na música do Skank. Ele olhou ela ir embora e querendo chamar de volta, explicar que ele é estranho mesmo, mas que gosta dela, ficou em silêncio. E ela não vai voltar, ele sabe disso. Ele é quem tem que ter uma atitude, assumir a responsabilidade pelo seu desejo e correr o risco de amar.

Assim

E ela gosta dele, assim, sem querer gostar, sem programar, vupt!!! O sentimento surgiu, porque não conquistamos alguém, conquista-se o direito de estar na vida de alguém. Ela queria que ele entendesse que só porque se desejavam, não dava a ele o direito de surgir do nada e achar que ela ficaria ali, esperando. Se ela não esperava, é porque ele não demonstrava querer, ele precisaria conquistar um espaço na vida dela. No seu coração, ela percebia o afeto entre eles, essa emoção inexplicável que só eles entendiam. Os amigos não acreditavam e, sabe? Ela tinha pena deles, pena por não sentirem essa emoção bonita, que fazia correr lágrimas, mas também dava cor aos dias.

Eu sou

Detesto as opiniões formadas sobre tudo, as generalizações, as frases feitas por pessoas acomodadas e mortas, zumbis perambulando pela vida, detesto a mediocridade, a hipocrisia nossa de todo o dia, essa falta de fé e a covardia de encarar a vida de frente, escondendo-se atrás da desconfiança. Detesto essa vida mais ou menos que a maioria das pessoas vive, essa vida medrosa e pequena, sem sentimentos e emoções que valham a pena, sem experiências verdadeiras, sem entrega, sem profundidade. Não sou quem vocês esperam, não sigo esses padrões sociais mornos e falsos, sou a mulher que tem a coragem de enfrentar minhas sombras e de ter opiniões próprias, que não agradam a todos, mas, que me importa, me agradam e são compreendidas por quem gosta de mim.

Aquele que pode chegar

Que tenha medo, mas não falte coragem, que tenha insegurança, mas não falte a fé, que tenha vontade de fugir, se esconder, mas vá de encontro, que queira mais do que tudo e, ainda assim, consiga, porque a vida não é só tragédia, mas também é poesia e amor. Você habita em mim, meu amor.